Tudo sobre cruzeiros: dicas, notícias e curiosidades!
Costa Cruzeiros, Lançamento de navios

Similar ao Diadema, Costa Venezia entra em operação em 2019

por em

Dois navios entrarão em operação para a Costa Crociere em 2019. Um deles é o gigante Costa Smeralda, que, como anunciado por nós, terá 183 mil toneladas e capacidade para mais de 6,500 passageiros. O outro é o Costa Venezia, que será operado pela filial asiática da companhia, a Costa Asia.

Voltado ao mercado chinês, o navio homenageará a cidade de Veneza, capital da região italiana do Veneto. Com capacidade para cerca de 4,300 passageiros, o Venezia terá 135,500 toneladas. Será ligeiramente maior que o Costa Diadema, que emprestará muitas de suas características ao navio. Maior e mais novo navio da frota atual da Costa Crociere, o Diadema é parte da classe Dream e foi inaugurado em 2014. Possui 132,000 toneladas e capacidade para 3,724 hóspedes.

Cerimônia que marcou o início da construção do navio, em 2017

Já o Costa Venezia será considerado parte da classe Vista, inaugurada pelo Carnival Vista em 2016. A classe Vista, por sua vez, é uma evolução da classe Dream, ligeiramente maior e com novas atrações. Uma delas é a piscina de popa próxima ao mar, que nos navios da Carnival é exclusiva para passageiros de uma determinada categoria de cabines.

Na Costa, ainda não há informações oficiais sobre como o espaço será utilizado. A companhia italiana, na verdade, revelou poucos detalhes de seu novo navio, que deve ter seus interiores adaptados e projetados exclusivamente com o passageiro chinês em mente.

A companhia se resumiu a descrever o navio da seguinte forma:

“O design do navio será dedicado a cidade de Veneza. Os hóspedes chineses desfrutarão de uma experiência única, imersos em uma viagem virtual e multisensorial pela gastronomia, arte, música e entretenimento de Veneza”.

Costa Smeralda será dedicado ao mercado ocidental

Enquanto o Venezia será dedicado ao Oriente, o Smeralda será a novidade da companhia para o Ocidente. Um dos maiores navios do mundo, a embarcação terá 183,900 mil toneladas. A capacidade excederá os 5,200 passageiros em ocupação dupla.

O Costa Smeralda foi encomendado em julho de 2015. O contrato inclui um navio gêmeo, com entrega prevista para 2021. Os navios serão movidos à LNG, o Gás Natural Liquefeito. Assim, terão sistema de propulsão mais eficiente e menos poluente.

Os interiores do navio seguirão o novo padrão da Costa de promover o Italy’s Finest, ou seja, trazer para bordo o melhor da Itália. Dessa forma, assim como o Venezia, o Smeralda terá inspirações em locais do país europeu. As cabines, por exemplo, poderão homenagear cidades como Roma e Palermo.