Tudo sobre cruzeiros: dicas, notícias e curiosidades!

Categoria: Pullmantur Cruceros

Texto e Imagens por Daniel Capella

História

Sediada em Madrid (Espanha), a Pullmantur entrou no mercado de cruzeiros no final dos anos 1990, com o fretamento do pequeno SeaWind Crown, que foi logo trocado por um navio maior, o Oceanic. Devido ao sucesso da operação, a empresa – que já era um operador turístico de porte – comprou o navio, e passou a expandir sua frota, que ganhou em qualidade com o acréscimo dos gêmeos Blue Dream e Blue Moon. Com o rápido crescimento e sucesso, passou a chamar a atenção dos grupos mundiais de cruzeiro. Após rumores de que poderia ser vendida para a Carnival Corporation, a Pullmantur foi vendida para a Royal Caribbean em 2006.

Após quase dez anos de um processo de modernização de sua frota, e de expansão em mercados latino-americanos como o próprio Brasil, a companhia voltou seu foco à Europa, apostando nos mercados espanhol e português. Assim, o escritório brasileiro foi fechado, e a sede da empresa, que era compartilhada entre Madrid e o Panamá voltou a ser a Espanha.

A mudança de estratégia foi seguida de uma mudança no controle da companhia. A Royal Caribbean Cruises vendeu a maioria acionária da Pullmantur para um grupo de investimentos espanhol chamado Springwater. Assim, a companhia espanhola passou a ser uma joint-venture entre as duas empresas, em modelo semelhante ao da TUI Cruises e da SkySea Cruises, outras marcas que são parte do grupo Royal Caribbean.

Hoje a companhia é representada no Brasil pela R11 Travel, que também é responsável por outras marcas do grupo Royal Caribbean Cruises no país.

Estilo e Características

Os cruzeiros da Pullmantur voltaram a contar com o sistema de tudo incluído que os fizeram famosos. Assim, o público principal da companhia voltou a ser os passageiros que buscam uma experiência mais descontraída, de festa, com bebida liberada, e navios que primam pela animação. Mais antigos que a média dos mercados em que operam, os navios da Pullmantur são mais tradicionais, e tem em seu serviço, na animação e no sistema tudo incluído, os seus fortes.

De médio porte, os navios oferecem grande quantidade de lounges e áreas externas ao ar livre, características típicas das embarcações anteriores ao advento dos “navios resort”. A frota atual conta com quatro navios, todos construídos pela Royal Caribbean International ou a Celebrity Cruises – companhias de alto padrão. No Brasil, a língua principal a bordo é o português, e, diferentemente da maior parte das companhias, a segunda é o espanhol, reflexo de sua origem ibérica.

A culinária a bordo, e as atividades como um todo também refletem a origem da empresa, e os seus anos de foco nos mercados latino-americanos. O destaque é o menu feito pelo chef celebridade Paco Roncero, que além de chef estrelado na Espanha, é apresentador do Master Chef na Colômbia. Roncero esteve a bordo dos navios para treinar as equipes de cozinha a elaborar os seus pratos da maneira correta. 

.

Destinos de Atuação

A Pullmantur divide suas atenções em dois destinos principais: a Europa e o Caribe. Com uma frota de quatro navios, a companhia espanhola tem presença de ano inteiro nessas duas regiões, enquanto um dos navios vem sendo deslocado para o Brasil para a temporada local.

No Mediterrâneo, a Pullmantur tradicionalmente realiza o roteiro Brisas del Mediterrâneo, que, em 7 noites, parte de Barcelona e passa por Espanha, França e Itália. Na região do Adriático, costuma realizar o Rondó Veneciano, que passa por Veneza e também pelas Ilhas Gregas. Já no Norte da Europa, realiza o Capitales del Baltico, que navega por diversos países dessa região, e também o Fiordos del Norte, com navegação por vários dos fiordes noruegueses.

Na época de inverno europeu, desloca um de seus navios para as Ilhas Canárias, oferecendo roteiros que variam entre 3 e 7 noites pelo arquipélago espanhol no Atlântico.

No Caribe, a companhia aposta em duas regiões diferentes, com diversos roteiros. Na parte leste, costuma realizar roteiros durante a temporada de inverno local. Intitulados Islas del Caribe, os cruzeiros partem da república dominicana e escalam em destinos como St. Maarten e Barbados. Já na parte sul, realiza dois roteiros: o Caribe Legendario e o Antillas y Caribe Sur. Estes roteiros partem de Colón, no Panamá, ou Cartagena, na Colômbia, e escalam locais como Aruba, Bonaire, Ilhas Cayman e Jamaica.